Caos em Barra do Choça: Professores estão sem receber salário e alunos com ano letivo comprometido

Olha que situação a educação municipal de Barra do Choça, vizinha aqui de Vitória da Conquista, está enfrentando. Parte dos professores da rede municipal de ensino estão paralisados, isso porque muitos ainda não receberam a rescisão de contrato referente ao ano de 2016, outros não receberam o salário do mês de dezembro de 2017 e nem o 13º salário.

Os professores contam que fizeram diversas manifestações e paralisações devido aos atrasos salariais. Muitos contam que os constantes atrasos implicam em atraso no pagamento dos compromissos pessoais e dificuldade até para chegar ao local de trabalho, já que muitos professores que ensinam em Barra do Choça são de outras cidades.

Assim, milhares de alunos do município ainda estão em sala de aula, justamente no mês em que todo mundo deveria estar de férias. Caso as interrupções de aula não ocorram, o ano letivo de 2017 deve terminar em 31 de janeiro de 2018. Mas com os atrasos e a falta de negociação da prefeitura, os professores prometem novas paralisações, desta forma o calendário letivo se estenderia ainda mais.

 

Enquanto o impasse não é resolvido. Quem, também, sente na pele o prejuízo são os estudantes. Eles dizem que com as constantes interrupções o ensino fica prejudicado. Muitos sentem-se até desestimulados.

Toda essa situação foi mostrada nos telejornais da TV Sudoeste. Em nota a Prefeitura de Barra do Choça, por meio da Secretaria Municipal de Administração, disse que até o dia 30 deste mês terá uma resposta sobre o pagamento dos professores. Disse que esse prazo é para que uma empresa contratada feche as contas de 2017 para saber quanto tem em caixa para o pagamento de dívidas pendentes com o servidores e fornecedores.