Itapetinga: Acusado de matar travesti é preso em pousada


Um homem, identificado como Murilo Eduardo Rolemberg Guimarães, de 46 anos, foi preso no começo da noite desta quarta-feira (8), em Bandeira do Colônia, distrito pertencente ao município de Itapetinga.

Acusado do homicídio da travesti Jhonatan da Silva Willian, 24 anos,  ocorrido na madrugada do dia 30 de março deste ano no Paraná, Murilo passou a ser monitorado por investigadores da Polícia Civil.

Logo depois do ocorrido, ele retornou para a cidade de Itapetinga (sua terra natal), inclusive, esteve na delegacia do município, acompanhado por um advogado, mas deixou a unidade policial em seguida.

As informações apuradas pelo Itapetinga Repórter dão conta que o mandado de prisão contra Murilo saiu na terça-feira (7). Os investigadores tomaram conhecimento que o acusado havia se hospedado em uma pousada em Bandeira do Colônia, usando outro nome. Para evitar qualquer tentativa de fuga, a Polícia Civil solicitou apoio da Polícia Militar de Itororó.

Preso, sob acusação de homicídio, o homem foi levado para a delegacia do município, onde segue à disposição da justiça.

O caso envolvendo Murilo já é de conhecimento público. Uma reportagem divulgada no Cidade Alerta, na Rede Record, detalha como tudo acontece. Confira no vídeo:

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no  canal, clicando aqui! Lá no  Youtube é só clicar no botão vermelho inscrever-se.