Suspeito morre durante troca de tiros com a PM, em Itambé

Um jovem de 18 anos, suspeito de homicídio, morreu durante uma troca de tiros com uma equipe da Polícia Militar na zona rural do município de Itambé, no Sudoeste da Bahia, no começo da tarde desta terça-feira, 8 de maio. A fazenda onde aconteceu o confronto fica às margens da rodovia BA-263, cerca de 20 quilômetros da cidade, sentido Itapetinga.

Os policiais se deslocaram até a propriedade rural depois que receberam informações que um dos acusados do assassinato de Gabriel Jesus da Silva, 21 anos, estaria escondido na fazenda.  Gabriel foi brutalmente assassinado na madrugada de segunda-feira (7), na Rua Caatiba, Bairro Humberto Lopes, em Itambé. Detalhes do homicídio, clique aqui.

Ao chegar no local da denúncia,  os agentes foram recebidos a tiros por Daniel de Jesus Pacheco (foto),  que acabou baleado e socorrido para o hospital do município, entretanto, não resistiu. As informações são dos  próprios policiais que atenderam a ocorrência e  estão  registradas no Complexo Policial de Itapetinga.

O revólver calibre 38 usado por Daniel para atirar nos militares foi apresentado na delegacia  junto com seis munições do mesmo calibre, sendo  três deflagradas. Nenhum policial se feriu durante a ocorrência, registrada como legítima defesa.  Ainda durante o flagrante, os agentes apresentaram uma mochila, 30 reais e um celular.

A arma apreendida está com a numeração raspada e será encaminhada para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) para ser periciada. Ainda existe a suspeita do revólver ter sido usado em outros crimes contra a vida na cidade de Itambé.

Segundo a polícia, Daniel, apesar da pouca idade, já havia sido preso por suspeita de tentativa de homicídio e tráfico de drogas.

O corpo do jovem foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) e depois do exame de necropsia será liberado para a família.